[LIVRO] Vejo você no espaço, Jack Cheng

Olá pessoas, tudo bem? 

Chegou a hora de falar desse livro fofo, ótimo para deixar o coração quentinho e aquela sensação de quero mais. Jack Cheng é um autor chinês e esse é o segundo livro dele que ficou conhecido mundialmente. Não é à toa, o livro merece todo o carinho do mundo ♥


O livro conta a história de Alex, um garotinho de onze anos que ama astronomia e tem um cachorro chamado Carl Sagan, em homenagem ao famoso cientista. Ele é tão inspirado pelo cientista que decide começar a gravar pequenos trechos e sons do seu cotidiano para mandar ao espaço através do seu foguete.  A ideia é que os extraterrestres possam ouvir as gravações e começar a familiarizar com o planeta Terra e saber um pouquinho como é a vida por aqui. 

Alex é um garotinho sonhador, ingênuo, mas muito determinado e curioso. Ele acompanha vários fóruns sobre astronomia e é através de uns desses fóruns que ele descobre a existência de um festival de foguetes. É nesse festival que ele decide lançar o seu próprio foguete e assim mandar seu iPod com as gravações para o espaço. 


Na sua jornada, Alex vai encontrar vários desafios e também várias pessoas que vão ajudá-lo a passar por esses desafios. Alex vive em um mundo só dele, sua mãe está doente, apesar dele não saber muito bem o quê ela tem. Seu irmão mora em outra cidade, ele nunca visita e nunca tem tempo de conversar com Alex e ainda tem o grande mistério sobre a morte de seu pai.
Ela disse Você está me atrapalhando!, então eu saí da frente da TV. A mãe do Benji, meu melhor amigo, ia pirar se ele levasse um filhote para casa, mas a minha mãe não liga, desde que eu faça o jantar e não a incomode enquanto ela assiste à TV. Ela é muito legal.
O livro é todo nesse formato de gravações, e através delas vamos saber um pouco sobre a vida do nosso protagonista e das pessoas em sua volta, nós somos apenas ouvintes dessa narração. Sendo assim, os capítulos são curtos e a grande maioria narrado por Alex. O livro brinca muito com o lado sensorial do leitor, "escuta o barulho de trem, sente o cheiro da chuva na terra molhada". Situações assim são bem comuns e, na minha opinião, é um show à parte.


"Vejo você no espaço" é narrado de uma forma doce e com a inocência do personagem. Alex consegue encontrar assuntos e reflexões em cada situação do seu dia, de forma bem humorada ou não. Apesar de ser apenas uma criança, Alex é maduro suficiente para cuidar de si mesmo e cuidar de seu animalzinho que é seu melhor amigo e companheiro para todas as aventuras que ele inventa. 

Com o desenrolar do livro nós vamos descobrindo o que realmente está acontecendo com o protagonista e sua família, afinal só temos o lado dele até mais ou menos a metade do livro. Ao avançar dos capítulos nós vamos descobrindo coisas que a gente nem imaginava, mas que desconfiava que algo não estava certo.

"Vejo você no espaço" é um livro fofo, que mexe com o lado sensorial do leitor assim como a nossa imaginação. Ele também te leva à uma viagem do Colorado ao Novo México e de Las Vegas à Los Angeles através das gravações e te faz entender o mundo por um lado inocente e sensível. Acredito que o audiobook também esteja espetacular, justamente pelos barulhos que temos durante a narração. Gostei demais dessa leitura e com certeza lerei outros livros do autor.

See you in the cosmos
Jack Cheng
ISBN-13: 9788551002674
ISBN-10: 8551002678
Ano: 2017
Páginas: 288
Editora: Intrínseca
Saraiva Amazon | Book Depository


*ESSE POST FAZ PARTE DO TOP COMENTARISTA DE MAIO/2018*

Acompanhe o blog nas redes sociais!
Instagram ♦ Twitter ♦ Facebook ♦ Skoob ♦ Goodreads

22 comentários:

  1. Perguntinha boba: Só tem em inglês??
    Puxa, adorei tudo que li acima e já quero muito conhecer Alex e toda sua história,não somente com o lance do espaço, mas com a família, que para mim, é a parte mais importante de tudo.
    Sou fascinada por enredos que joguem o leitor dentro da história, fazendo a gente sentir e viver tudo ali descrito.
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nãão, o livro foi publicado pela editora Intrinseca no ano passado (se não me engano). Eles mantiveram a mesma capa ainda, coisa mais linda!

      Excluir
  2. A vida de Alex não parece estar fácil mas ainda assim ele se permite sonhar e achei bem fofa mesmo a trama, envolvendo cachorros, foguetes, cientistas. Ainda não tinha ouvido falar dessa história e gostei muito da dica e sobre o fato do livro poder estar ainda melhor em audiobook, ta ai uma coisa que ainda não experimentei, audibooks, vou tentar ter algum pra ter essa experiência mais a frente ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A experiência em audiobook é completamente diferente ♥

      Excluir
  3. Gostei desse livro quando vi e foi um que adicionei na lista dos que quero ler. Parece fofo, gostei do personagem e como ele tem essa inocência, o jeito da história parece bonito e gostoso de ler. Não ser muito grande também contribuiu com o meu interesse. Parece uma trama com bons sentimentos e que fica fácil de ler por ser pequena, mas que passa uma coisa legal meso, fofa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Siim, esse livro eu li em um dia e foi uma experiência maravilhosa ♥

      Excluir
  4. Que resenha linda!
    É a primeira vez que leio sobre este livro, que fofura...
    Histórias com personagens crianças sempre são um encanto e fiquei curiosa para conhecer a história de Alex.
    E gostei do fato de mexer com o lado sensorial.

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Por o Alex carregar essa pureza consigo, sobre as adversidades da vida, o livro acaba sendo não tão pesado, apesar das realidades dos fatos. E, isso é o que chamou a minha atenção.

    Ver tudo sob a visão de uma criança é sempre encantador, pois as emoções e sentimentos transmitidos, são tocantes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gosto quando livros mostram essa inocência do personagem e a narração por crianças. Esse livro ganhou meu coração ♥

      Excluir
  6. Oi Rosana.
    Esse livro parece muito fofo!
    Adoro histórias narradas por crianças. Eles têm um ponto de vista tão único, inocente e nos faz reparar em coisas que quando somos adultos deixamos de dar valor.
    Vou tentar ler esse livro em inglês, pois geralmente os YA são mais fáceis de entender.
    Adorei a capa!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenta ler sim, é uma leitura mais fácil de fazer em inglês.

      Excluir
  7. Rosana!
    A primeira coisa que chamou minha atenção é o enredo inteligente, acentuado pela paixão de Alex por astronomia e seu plano para mandar mensagens para o espaço.
    E um livro que aparentemente poderia ser um plot de ficção, acaba mostrando que é um drama familiar, com segredos a serem desvendados e uma viagem inimaginável para uma criança tão jovem fazer sozinha, trazendo a aventura e as descenturas pelo caminho.
    Interessantíssimo!!
    Maravilhoso final de semana!
    “Gosto de ouvir. Aprendi muita coisa por ouvir cuidadosamente. A maioria das pessoas nunca ouve. “(Ernest Hemingway)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA MAIO BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, o livro também é muito mais do que um drama familiar. É a história de um personagem que mesmo criança se o conhecimento de mundo, vai atrás dos próprios sonhos e não desiste quando as coisas parecem desandar. ♥

      Excluir
  8. Olá, gostei da proposta do autor em explorar os sentidos sensoriais do leitor enquanto lê a obra, que por sinal encanta pela trama bem desenvolvida nesse formato de gravações. A capa também é de encher os olhos, e pega toda a essência da obra. Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Oi! Quem nunca imaginou viajar pelo espaço? Ainda mais saber se existe extraterrestres, mas senti que não se trata apenas disso, acho que a questão principal é o convívio familiar e seus mistérios que nem Alex sabe. Eu gosto de leituras assim, nesse formato e que desperta nossos sentidos.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aaaah! Só pela capa dá para perceber como esse livro é fofo! Achei muito interessante a história ser narrada pelo Alex e mexer com o "lado sensorial" de seus leitores, o que é algo bem diferente do normal! O fato de ser escrito no formato de gravações(que tem tudo a ver com a história) deixa o livro ainda melhor! Sem dúvidas que lerei!

      Excluir
    2. Leia sim, A história do Alex é bem fofa e ele é um personagem extremamente cativante!

      Excluir
  10. Oi, Rosana!!
    Gostei muito da história do Alex, que parece ser uma criança super fofa e acho que um pouco solitária, mas cheia de sonhos!! Já estou apaixonada por esse livro!!
    Bjos

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.