[LIVRO] Love, Creekwood (Com Amor, Creekwood), Becky Albertalli

Olá pessoas, tudo bem?

Vou começar essa resenha falando o que comentei com algumas pessoas, eu não tinha intenção nenhuma de ler esse livro. Para mim, essa coisa de autor insistir em um mesmo universo era desnecessária e uma bela desculpa para encher linguiça. Pois bem, venho aqui dizer que eu estava errada, em partes.


Ainda acho que a Becky tem muito o que oferecer como autora, e que é hora de deixar esse universo do Simon de lado, mas olha... EU GOSTEI DEMAIS DESSE LIVRO que eu nem sei explicar. Eu acabei de terminar e talvez deva ser o êxtase de uma leitura gostosa e bem fluída falando, mas que livro delicinha de ler. 

Nada muito grandioso acontece no livro. Vamos companhar Leah, Abby, Simon e Bram mais de perto. Na verdade vamos acompanhar as trocas de emails entre os amigos que conhecemos em "Com amor, Simon". Agora que eles estão na faculdade, eles percebem a dificuldade de concilicar coisas da vida adulta (ou de jovem independente) com relacionamento à distância, saudade da família e aproveitar a vida de faculdade.


Como o livro funciona por troca de emails, a leitura voa que você nem percebe. Apesar de ser curto, o livro vai te sugar para saber mais desses personagens que tem um espaço enorme no meu coração. Gente, não sei o que vocês acham, mas esse livro foi feito para nós leitores e fãs do primeiro livro. Para quem tanto queria saber "o que acontece depois", esse livro é a resposta. Claro que o final deixa a gente ainda mais intrigado, mas isso não quer dizer que seja ruim. 

Eu amei demais passar essas 128 páginas com esses personagens que eu nem sabia que estava sentindo tanta falta. É como se eu estivesse visitando amigos depois de muito tempo longe. É um aconchego, um carinho no coração e um abraço quentinho. 

Agora o que me resta é assistir a série "Love, Victor", outra coisa que eu achei que não fosse fazer. Leiam Simon primeiro, passem por Leah e depois leiam esse livro. Apenas...


“When we say we want to freeze time, what we mean is that we want to control our memories. We want to choose which moments we’ll keep forever. We want to guarantee the best ones won’t slip away from us somehow. So when something beautiful happens, there’s this impulse to press pause and save the game. We want to make sure we can find our way back to that moment.”

Love, Creekwood (Com Amor, Creekwood)
Becky Albertalli
ISBN-13: 978-6555600278
ISBN-10: 6555600276
Páginas: 144
Ano: 2020

Acompanhe o blog nas redes sociais!
Instagram ♦ Twitter ♦ Facebook ♦ Skoob ♦ Goodreads ♦ Pinterest

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.