19 de jun de 2015

A cor do leite, Nell Leyshon

Oi pessoal,

Hoje trouxe para vocês a resenha de um livro que virou meu favorito, ele é intenso, bonito e devastador!!! Uma história simples, contada em poucas páginas, mas que é  profundamente marcante.

Título Original: The Colour of Milk
Título: A cor do leite
Autor(a): Nell Leyshon
ISBN: 9788528615814
Ano: 2014
Páginas: 208
Editora: Bertrand Brasil
Nota:  5/5
Adicione: Skoob

em 1831, uma menina de 15 anos decide escrever a própria história. mary tem a língua afiada, cabelos da cor do leite, tão brancos quanto sua pele, e leva uma vida dura, trabalhando com suas três irmãs na fazenda da família. seu pai é um homem severo, que se importa apenas com o lucro das plantações. contudo, quando é enviada, contra a sua vontade, ao presbitério para cuidar da esposa do pastor, mary comprovará que a vida podia ainda ser pior.
sem o direito de tomar as decisões sobre sua vida, mary tem urgência em narrar a verdade sobre sua história, mas o tempo é escasso e tudo que lhe importa é que o leitor saiba os motivos de suas atitudes.

O livro conta a história de Mary, uma garota simples que mora no interior com sua família em uma fazenda, o pai é o tipico fazendeiro grosseiro e "ignorante", a mãe submissa, o avô se destaca por ser engraçado e sincero, ela e suas irmãs sofrem nas mãos do pai que as obriga a fazer os mais diversos serviços pesados na fazenda; Mary nasceu com uma deficiência na perna mas isso não a exclui de fazer os serviços como as irmãs. Um dia o pai leva Mary até a casa do pastor da cidade, sua esposa doente precisa de ajuda e como Mary tem certas dificuldades nos trabalhos mais pesados da fazenda, o pai resolve entrega-la aos cuidados do pastor e da esposa; Mary logo desenvolve uma relação de carinho pela esposa do pastor e ali começa a aprender a ler e escrever, possibilitando assim que conte sua triste história.

"e se eu pudesse parar o tempo eu pararia e ficaria naquele exato momento pelo resto da minha vida e para sempre.
mas um momento não dura para sempre." pág 50

O livro se divide em estações do ano, começando e terminando em duas primaveras, e no período de um ano acompanhamos a vida de Mary, sua família e seu novo "lar"; no começo é difícil para Mary se separar de suas irmãs e o avô que ela adora tanto, e ela chega até a fugir para vê-los, mas conforme o tempo passa ela começa a se adaptar cada vez mais a nova casa, e lá passa a aprender muitas coisas, algumas boas e outras nem tanto assim. Achei a escrita da autora excepcional, o livro é narrado em primeira pessoa e vemos de forma crua e simples o ponto de vista de uma garota pouco instruída, mas que tem uma percepção de mundo que evolui a cada página da história.


Mary é uma personagem forte e corajosa, e apesar de suas limitações físicas e intelectuais, não se deixa abater pelas dificuldades da vida, aprende da pior forma possível que as falhas humanas não se limitam as classes baixas, e que o abuso do poder patriarcal pode vir de faces gentis e mãos caridosas. A sinceridade de Mary é chocante e ao mesmo tempo toca fundo no coração, os sentimentos que ela passa em suas palavras simples parecem não caber dentro de poucas páginas.

"e eu li.
bíblia.bíblia, ele repetiu, muito bem. sua primeira palavra.
então eu consigo ler uma palavra?
consegue sim.
ah." pág 143

Essa leitura é sincera e chocante, a autora soube conduzir a leitura que começa de uma forma leve e vai se tornando cada vez mais densa conforme a personagem aprende e descobre o lado sujo do ser humano. Com um final surpreendente e chocante esse livro tem uma narrativa inesquecível e tocante, dura e ao mesmo tempo emocionante em todos os aspectos.

"o senhor não tem ninguém para contas as coisas, eu respondi, porque é pro senhor que todo mundo conta tudo.
ele concordou. claro, você está certa.
não é a mesma coisa sem ela, eu falei.
não." pág 141



Acompanhe o blog nas redes
Instagram ♦ Twitter ♦ Facebook ♦ Skoob ♦ Google+ ♦ Filmow

32 comentários:

  1. Sua resenha mostra como vc gostou do livro, e por conta disso eu também fiquei com muita vontade de ler. Gosto de enredo que vai se intensificando de acordo com a personagem.

    sonhoseaventurasdeamor.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa é uma ótima leitura, você não vai se arrepender!!

      Excluir
  2. Fiquei curiosa! Eu achava que a história era outra coisa, mais puxada para a fantasia. Amei sua resenha e como ela lhe tocou, pude sentir pela escrita. Fiquei intrigada com essa garota.

    www.primeiras-impressoes.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também esperava algo diferente quando vi o título e a sinopse, mas me surpreendi e amei a leitura do livro! Recomendo!!

      Excluir
  3. Já li resenhas e mais resenhas sobre o livro, algumas boas, outras nem tanto, mas independente delas ele me deixa curiosa. A forma como descreveu a evolução que acontece na leitura me agradou e acho que tirarei minhas próprias conclusões quanto a ele.
    Ótima resenha ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada.
      Leia sim e acredito que você não vai se arrepender!!
      Beijos

      Excluir
  4. gostei muito do livro, adoro os que se passam no século xix
    gostei da resenha e me interessei bastante pelo livro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O livro é muito bacana, eu também gosto de coisas históricas, e mesmo se passando no século XIX é um assunto bem atual sabe?!
      Leia e você não vai se arrepender.

      Excluir
  5. Nunca ouvi falar do livro e sinceramente nao me atraiu.. a resenha esta otima e a capa e bem legal mais nao me interresou..

    ResponderExcluir
  6. Oi, Amanda.
    Nossa, muito boa a sua resenha. Não acredito que ainda não conhecia esse livro. :O E que capa linda!
    Gostei do enredo e da maneira como foi escrito, deixando a protagonista apresentar sua realidade e amadurecer nas páginas. Já fiquei frustrada pela situação dela só pela resenha, mal posso esperar para ler e saber o desfecho da história. Definitivamente vai para a minha lista.
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lary,
      Obrigada! A capa é linda mesmo *--------* o enredo então é muito bom e o assunto tratado no livro é bem forte e merece muita atenção. Leia sim e você não vai se arrepender, a leitura é tão fluida, que quando eu acabei me senti orfã kkkk
      Beijos

      Excluir
  7. Oi, Amanda
    Não conhecia esse livro, mas tem uma capa e título instigantes
    Coitada da Mary :/ o pai dela parece bem babaca!
    Fiquei curiosa pra saber o que ela conta depois que aprende a escrever...

    Beijos,
    Duas Leitoras

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kemmy,
      A primeira coisa que me fez gostar do livro foi a capa, e quando procurei a sinopse eu sabia que precisava ler esse livro e não me arrependi, a leitura é muito boa e o que a Mary relata depois que aprende a escrever é surpreendente
      Beijos

      Excluir
  8. OI, não conhecia o livro e fiquei querendo ler. Gosto de livros que se passam em outros séculos e Mary me chamou a atenção por ser forte e corajosa. Bjus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Maisanara,
      Esse livro foi pouco divulgado, eu mesma quase não vi muitas coisas sobre ele na internet, mas é uma história incrível que merecia um reconhecimento maior!! A leitura é muito boa e a Mary é uma personagem cativante e muito corajosa.
      Beijos

      Excluir
  9. Nossa, capa linda e chamativa, gostei demais e esse título é curioso.
    Gostei da resenha demais, os pontos positivos apresentados me animaram a conhecer esse livro.
    Só de ler que ela passar maus bocados por causa do pai já fiquei morrendo de dó da protagonista, ainda bem que ela tem a chance de sair de la e aprender coisas novas.
    Amei a dica de livro, sempre é bom conhecer novas obras e autores.
    Bjus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A capa é linda mesmo Suzzy, me apaixonei por ela no minuto que vi *----*
      Nossa quando você ler o livro você vai se emocionar, rir e torcer muito por ela, é um livro de multi-emoções!!!
      Obrigada e espero que aproveite a leitura
      Beijos

      Excluir
    2. Vou procurar mesmo pelo livro para ve se acho em promoção...
      Bjus

      Excluir
  10. Boa tarde Amanda!
    Muito boa a sua resenha, parabéns!
    Demorei um pouco pra entender a capa mas é muito bonita!
    A história parece um drama bem intenso então pra começar a ler é melhor separar os lencinhos.
    Interessante esse livro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Larissa
      Obrigada, é a capa é bem bonita e intrigante, não revela muita coisa mas não deixa de ser delicada!!! É bem intenso mesmo, se prepare para todo tipo de emoção forte, raiva, nojo, tristeza...

      Excluir
  11. Eu gosto de livros assim que sendo contados numa outra época, outro século, ainda tenham temas tão atuais. Gosto de histórias mais sensíveis, "humanas", com personagens fortes. A capa é linda e cheguei a achar que se tratasse de fantasia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também gosto de livros de época, e todos que eu já li até agora são muito bem escritos e fazem você "viver" na época retratada, e esse não foi difente!!
      Essa história é bem isso, aproxima a gente demais da personagem, ela conquista desde o primeiro trecho do livro!
      Essa capa é maravilhosa demais *----* kkk ela engana mesmo, eu também achei que seria fantasia, mas me surpreendi com a história incrível e como a capa combina com todo o enredo.

      Excluir
  12. Eu achei a capa muito linda e com sua resenha fiquei bem interessada para saber como é a evolução da protagonista e além do mais, eu adoro livros de época!
    beijinhos :*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa capa conquista qualquer um, e a história também, pode acreditar!!! Leia e não vai se arrepender*----*
      Também AMO livros de época!!
      Beijos

      Excluir
  13. Achei o livro bastante interessante! Quando eu vi, eu achei que não ia me agradar, mas não foi isso que aconteceu. Além de ter adotado sobre o que o livro fala, eu achei a protagonista cheia de personalidade, fazendo com que eu me interessasse pela obra! Adorei a resenha!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que se interessou, a personagem é muito forte, tanto em personalidade quanto em atitudes, é uma leitura que eu recomendo muito, espero que goste!!

      Excluir
  14. Achei que era um livro de fantasia, Amanda, mas sua resenha mostrou o contrário e me deixou com muita vontade de lê-lo. E, apesar de parecer uma história forte, é exatamente o tipo que me agrada, mesmo porque a protagonista parece ser ótima
    Abraço!
    sete-viidas.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Monique,
      Acho que eu, você e todo mundo kkkk essa capa "engana" mesmo, mas o livro é incrível, que bom que gostou da resenha e se interessou. A história é mesmo bem forte, intensa, mas não da pra largar a leitura, a protagonista te conquista e te envolve na história que você é levado pelo enredo e quando vê já está entregue a leitura e fica orfão quando acaba!
      Beijos

      Excluir
  15. Nooossa coitada da Mary, ter que deixar a família assim..
    Mas pelo jeito, ela é mais feliz e aprende muita mais da vida na casa do pastor do que com seus pais.
    Porém, não deixa de ser triste, e sabemos que a pessoa precisa ser muito forte, para aguentar tudo isso!
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Da muita pena da Mary mesmo, e o livro é surpreendente!!
      Beijos

      Excluir
  16. Adoro personagens sinceros e corajosos sempre a qualidades que nos encantam e estas são bem proporcionais a grandes personagens. Quando li Leite eu logo quis, amo leite! E um chocolate quente agora não cairia mal!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, e essas qualidades estão bem fortes em Mary *---*

      Excluir

© Tudo que Motiva - 2014. Todos os direitos reservados. Tecnologia do Blogger.