27 de nov de 2015

O Começo de Tudo - Robyn Schneider

Olá, pessoas! Hoje trago a resenha de um livro que reli recentemente e que continua sendo um dos meus YAs favoritos. 

Título Original: The Beginning of Everything
Título: O Começo de Tudo
Autora: Robyn Schneider
ISBN-13: 9788581633930
ISBN-10: 8581633935
Ano: 2014
Páginas: 288
Editora: Novo Conceito
Nota: 5/5 
Adicione: Skoob

O garoto de ouro Ezra Faulkner acredita que todo mundo tem uma tragédia esperando ali na esquina – um encontro fatal depois do qual tudo o que realmente importa vai acontecer. Sua tragédia particular esperou até que ele estivesse preparado para perder tudo de uma vez: em uma noite espetacular, um motorista imprudente acabou com a perna de Ezra, com sua carreira no esporte e com sua vida social.


Ezra Faulkner é o garoto mais popular da escola e é o capitão do time de tênis da escola. Até que em um acidente de carro, por causa de um motorista irresponsável, sua perna é destruída e com isso, ele perde sua namorada, vida social e sua carreira no esporte.

Quando Ezra se vê sozinho, ele é acolhido e tratado normalmente pelo Toby, que era seu melhor amigo na infância e com quem ele não falava há muito tempo já que ambos seguiram caminhos completamente diferentes com Ezra sendo o garoto mais popular e Toby como o nerd. Ezra então passa a frequentar a mesa dos nerds.

O livro é narrado pelo Ezra e a escrita da Robyn Schneider é muito fluida e agradável, a leitura é rápida e envolvente. O Começo De Tudo é um YA que se destaca, nele temos momentos muito divertidos, muito sarcasmo e ironia, mas também tem mudanças necessárias e desconfortáveis, vários obstáculos e questionamentos dos personagens. O livro consegue ter uma sintonia muito real entre esse humor e o drama, é aquele típico livro sobre o período da adolescência com uma cadeia de eventos interessante, mas ele é bem realista em vários momentos e apresenta diversos altos e baixos proporcionados pela vida.

Apesar de eu ter amado o livro, ele não é perfeito! Os personagens de Robyn Schneider são incríveis, mas em alguns momentos eu senti que ela errou a mão e acentuou um pouco demais os estereótipos. Esses tais estereótipos quando muito presentes e convenientes me irritam, mas os senti sendo usados de maneira mais suave neste caso, porém o livro se sairia melhor sem eles. Outra coisa que me incomodou um pouco foram alguns acontecimentos que me pareciam bem forçados, e isso talvez exija um pouco de suspensão de descrença dos leitores.

Uma das partes mais legais do livro para mim são os personagens porque os adolescentes são adolescentes e não são chatos! Apesar de alguns estereótipos, os personagens são bem legais e facilmente qualquer um pode se identificar com um deles ou com cada um. Ezra é um personagem cativante e é interessante ver o desenvolvimento dele durante o livro.

O grupo de nerds com os quais o Ezra começa a fazer amizade são maravilhosos e eu fiquei o livro todo querendo fazer amizade com eles. Deste grupo, os personagens que mais impactam a vida de Ezra são o Toby e a Cassidy. O Toby é um personagem bem divertido e cortês. A Cassidy, o interesse amoroso do Ezra, é a misteriosa garota nova da escola e eu gostei bastante dela, ela é divertida e toda a aura de mistério criada em torno dela é bem interessante.

Outra coisa que eu adorei no livro é que ele é cheio de referencias pop e do mundo nerd! O final é bom, ele pode desagradar vários leitores, mas para mim foi um bom fechamento para um bom livro.

O começo de tudo me divertiu muito durante a leitura, tem uma escrita despretensiosa, personagens bacanas e uma estória sincera. Recomendo muito a leitura a todos, principalmente aos leitores que gostam de YA e John Green.


Acompanhe o blog nas redes
Instagram ♦ Twitter ♦ Facebook ♦ Google+

Nenhum comentário:

Deixe um comentário ;)

© Tudo que Motiva - 2014. Todos os direitos reservados. Tecnologia do Blogger.