9 de ago de 2016

Um Amor de Muitos Verões - Ana Faria

Olá pessoal, tudo bem?

A resenha de hoje fala sobre a descoberta do primeiro amor e sobre como este amor pode sobreviver ao longo dos anos. Confiram essa linda e romântica história.


Título: Um Amor de Muitos Verões
Autor(a): Ana Faria
ISBN: 9788568275443
Ano: 2015
Páginas: 264
Editora: Letramento
Nota: 4/5
Adicione: Skoob
Guilherme e Silvia se conheceram em Arraial do Cabo quando ainda eram jovens e se reencontraram por três verões seguidos, vivendo um grande amor e uma profunda amizade. A vida e a distância fizeram com cada um seguisse o seu caminho, guardando com carinho as lembranças daqueles verões que passaram juntos. Depois de doze anos, Silvia retorna a Arraial do Cabo, mais bonita, mais madura... e com o coração partido. Ela vive um momento triste, que desafia suas virtudes da fé, perdão, esperança e amor. Arraial do Cabo é o seu refúgio, em razão das belíssimas paisagens e das preciosas memórias que guarda. O reencontro com Guilherme é inevitável, embora ela não tenha ido até lá para vê-lo exatamente. Seria possível o amor que sentiam um pelo outro ter sobrevivido tanto tempo? Será que um amor assim tão grande teria a capacidade de curar o coração ferido de Silvia? O tempo seria um inimigo ou um aliado? Esta é uma história de como o amor pode ir muito além da paixão e resistir às imposições do espaço e do tempo.


Após um longo ano de estudos, Silvia que mora em Belo Horizonte/MG, vai passar as férias com a mãe Rebeca em Arraial do Cabo/RJ. Sua mãe quer um tempo para esfriar a cabeça; com o fim de seu casamento as coisas não tem sido fáceis para ela, então ela decide ficar um tempo neste paraíso com a filha, para se aproximarem, para fugirem um pouco da realidade.


Neste paraíso, Silvia conhece Guilherme. Guilherme está quase terminando o ensino médio, ele trabalha com seu pai em um quiosque. Ao avistar Silvia ele fica encantado com sua beleza, e trata logo de convidá-la para sair, Silvia fica um pouco intimidada, mas se deixa levar pelos encantos do garoto. Eles ficam juntos durante todo o verão; apesar de serem adolescente, eles já fazem planos para o futuro, planos de ficarem juntos, de terem filhos. Silvia e Guilherme se apaixonam.
"Ao adormecer, sonharam com momentos de felicidade juntos. O sonho de Silvia parecia mais um filme de amor, enquanto o de Guilherme tinha uma pitada de erotismo. Era daqueles sonhos em que a pessoa sabe que está dormindo e, de tão bom, não quer acordar depressa."
Quando as férias acabam e Silvia retorna para Belo Horizonte, eles prometem manter contato e Silvia promete voltar no próximo verão. E assim eles trocam cartas e telefonemas, até a chegada do segundo verão. Depois deste segundo reencontro, apesar de ainda se amarem, eles começam a ficar um pouco mais distantes. Silvia mudou, Guilherme também.

Após o terceiro reencontro, eles perdem contato, cada um seguindo seu caminho. Silvia termina o ensino médio e se dedica a faculdade, posteriormente se dedicando a carreira. Ela conhece Miguel, com quem acaba se casando. Guilherme no início trilha alguns caminhos errados, mas logo se reencontra, consegue realizar o sonho de abrir seu próprio restaurante. Ele mantém alguns relacionamentos, mas nada muito sério, ele nunca conseguiu esquecer Silvia.
" - Por favor, não fique triste - ele tocou o queixo dela. - Você veio para Arraial esfriar a cabeça... Faça isso. Resolva sua vida. Tome suas decisões. Quando tiver a certeza do que quer... e se o que quiser tiver a ver comigo... eu estarei aqui. Eu nunca fui embora. Não deixe que seu coração fique ferido por muito tempo."
Doze anos depois, Silvia retorna a Arraial do Cabo, sua intenção é ficar sozinha para pensar em sua vida, se reencontrar. Ela imaginava que encontraria Guilherme, mas não esperava que este reencontro fosse tão rápido. Ela encontra um Guilherme maduro, mais bonito que nunca, ele não é mais aquele garoto, agora ele é um homem. Mesmo não querendo se envolver ela sente que ainda tem sentimentos por ele. Guilherme fica com o coração acelerado ao ver Silvia, ela é ainda mais bonita do que se lembrava, ele não sabe sobre sua vida, o que ela faz novamente em Arraial do Cabo, mas se tiver mais uma chance com ela não deixará passar. 

Um Amor de Muitos Verões é narrado em terceira pessoa, intercalando a narrativa entre o passado e o presente. É um leitura leve e descontraída que nos faz lembrar da adolescência, do primeiro amor e como mudamos quando nos tornamos adultos. Os personagens são cativantes; Guilherme é apaixonante, Rebeca é uma mulher forte e uma mãe excepcional, que confia muito na filha e Silvia é uma filha exemplar, que se torna uma mulher forte assim como a mãe. 

A diagramação está ótima, as páginas são amareladas e a fonte possui um tamanho confortável para a leitura. Não me lembro de ter encontrado algum erro. Mesmo eu não gostando de capas com modelos, neste caso a capa é perfeita, pois ilustra muito bem a história.


Se você gosta de história de amor, que tratam de encontros e desencontros, você não pode deixar de conferir essa história, tenho certeza de que vão gostar.


Não deixe de acompanhar o blog nas redes sociais
Instagram ♦ Twitter ♦ Facebook ♦ Skoob ♦ Google+ ♦ Goodreads

Nenhum comentário:

Deixe um comentário ;)

© Tudo que Motiva - 2014. Todos os direitos reservados. Tecnologia do Blogger.