8 de abr de 2018

Escolhida (House of Night #3), P. C. Cast e Kristin Cast

Escolhida Título: Esolhida
Autor: P. C. Cast e Kristin Cast
Páginas: 256
Editora: Novo Século
Ano: 2017

Neste terceiro livro da série House of Night, os acontecimentos tomam um rumo misterioso e perturbador. Zoey tenta encontrar uma solução para ajudar Stevie Rae, que luta para manter sua frágil humanidade, antes que ela se transforme num monstro. Entretanto, salvar sua melhor amiga significa ir contra Neferet, e para conseguir o que deseja, Zoey acaba se aliando a uma inesperada pessoa, tornando-se sua confidente e parceira. Para complicar, o horror atinge a Morada da Noite quando dois assassinatos ocorrem. Zoey se vê diante de um drama pessoal e numa posição realmente difícil. Deve guardar segredos, até mesmo de seus amigos, e tomar delicadas decisões, que poderão afetar todos ao seu redor.

Depois do desfecho de Traída (segundo volume da série), Zoey continua sobrecarregada com o grupo Filhas das Trevas e o medo de alguém descobrir o que aconteceu realmente com Stevie Rae faz com que ela acabe se afastando dos amigos e seu atual namorado. Vampiros adultos podem entrar na mente de novatos com bastante facilidade, porém não podem ler a mente de Zoey devido a isso ela sente medo de soltar alguma bomba para os amigos e sua grande sacerdotisa, Neferet, descobrir.

A escuridão nem sempre equivale ao mal, assim como a luz nem sempre traz o bem.
No final do segundo livro vimos outro lado de Aphrodite, eu, particularmente, torcia muito para que ela se aproximasse de Zoey para serem amigas. Mesmo ainda desconfiada devido a inimizade no começo após sua chegada na Morada da Noite, Zoey não vê outra saída a não ser confiar em Aphrodite já que também não podiam ler a mente dela. (Simmmmmm elas se aproximam *-*)

Nesse livro vemos que Aphrodite está mais arrependida do que fez e tenta se redimir de todas as formas com medo de que Nyx, deusa dos vampiros, a abandone.

Este livro foi mais intenso do que os outros dois, cheio de emoções, confusões e um misto de culpa rodeia nossa personagem principal. No primeiro livro Zoey carimbou sou ex-namorado humano, quer dizer que, ela bebeu sangue dele e devido a isso passaram a ficar ligados. Heath diz ainda estar apaixonado por ela e que por ela ser uma novata vampira não mudaria nada... Eles dois juntos são muito fofos, dos três caras que estavam interessados nela Heath foi o que o mais gostei. E o livro nos rendeu cenas deles dois, bem quentes por sinal...


Os assassinatos continuam rodeando a Morada da Noite, dessa vez dois vampiros adultos tiveram suas cabeças decepadas e colocadas em estacas. Para piorar a grande sacerdotisa, Neferet, faz ameaças de fazer uma guerra com humanos e todo mundo fica apreensivo com isso. Embora Zoey tenha abandonado sua vida humana, ela teme pela segurança de sua mãe e sua avó.

Com sua humanidade quase extinta Stevie Rae, melhor amiga de Zoey, se transformou em algo pior que vampiro sem controle pela sede de sangue. Enquanto todos os seus amigos e a escola inteira acham que ela está morta Zoey tenta esconder isso de todos inclusive de Neferet, pelo menos esconder que Zoey sabe que ela está viva. Com mentes praticamente blindadas Zoey se uni a Aphrodite para ajudar Stevie. Um livro está sendo melhor que outro tanto é que já comecei o livro 4.


Nenhum comentário:

Deixe um comentário ;)

© Tudo que Motiva - 2014. Todos os direitos reservados. Tecnologia do Blogger.