[LIVRO] Filha da ilusão, Teri Brown

Hey pessoal,

No post de hoje eu vou falar sobre um livro que li no começo desse ano, e que gostei bastante!!


Ilusionista talentosa, Anna é assistente de sua mãe, a famosa médium Marguerite Van Housen, em seus shows e sessões espíritas, transitando livremente pelo mundo clandestino dos mágicos e mentalistas da Nova York dos anos 1920. Como filha ilegítima de Harry Houdini - ou pelo menos, é o que Marguerite alega - os passes de mágica não representam um grande desafio para a garota de 16 anos: o truque mais difícil é esconder seus verdadeiros dons da mãe oportunista. Afinal, enquanto os poderes de Marguerite não passam de uma fraude, Anna consegue realmente se comunicar com os mortos, captar os sentimentos das pessoas e prever o futuro.

A história já começa nos apresentando Anna, que ao longo da narrativa vamos acompanhar seu crescimento como personagem, em alguns momentos gostamos dela e em outros nem tanto, mas acho que isso a faz bem humana, um pouco tola às vezes, mas faz parte. Assim como sua mãe, que eu detestei o livro quase todo, e gostei apenas um pouco no final, mas não tanto assim; os personagens secundários também são bem misteriosos e intrigantes, e ajudam a criar toda a atmosfera envolvente do livro.


O ritmo da história é bom, o desenvolvimento dos personagens e da trama também não é muito enrolado, em alguns pontos ele foi acelerado demais, mas em outros pontos foi compensado, então isso não me incomodou tanto; todas as descrições de lugares, pessoas e acontecimentos é muito detalhada e bem feita, especialmente as sessões que Anna e sua mãe performam dentro da casa delas, é incrível o poder da autora de mostrar ao leitor dois pontos de uma mesma cena, o ponto onde há o ilusionismo, e o ponto onde são revelados os truques todos.

A escrita da autora é boa, a diagramação do livro é muito linda, com vários detalhes, estilos de fontes diferentes para várias partes, como: manchetes de jornal, cartazes de espetáculos, entradas de diários, cartas e afins, fonte e espaçamento também são bons e de tamanhos confortáveis para leitura., não foi uma leitura cansativa, pelo contrário, o ritmo dela foi muito bom do começo ao fim do livro, me deixando instigada a ler mais um capítulo e acompanhar mais da história de Anna.

Esse foi o segundo livro que li no começo desse ano, e foi uma leitura muito boa, a história é completamente envolvente, a narrativa é bem fluida, e acabamos mergulhados na Nova York da década de 20 e no mundo do ilusionismo, que é muito interessante e acredito que particularmente complicado de descrever em um livro, afinal no ilusionismo os olhos são bem importantes, mas acho que a autora fez isso muito bem, e me deixou ainda mais interessada em livros com essa temática tão intrigante e mágica.

Eu não sei se o livro é uma trilogia ou não, acredito que seja uma duologia com um spin-off, minhas pesquisas não mostraram um terceiro livro lançado pela autora, então é uma pena que a editora não tenha traduzido o segundo livro, pois os acontecimentos do primeiro livro deixam uma brecha para a continuação da história, o que me deixou um pouco triste, porque eu realmente quero saber o que acontece com Anna, Cole e outros personagens depois que o livro termina, provavelmente vou ler no original.

Foi uma boa leitura, e como falei, me deixou com mais vontade de procurar outros livros com uma temática parecida de ilusionismo e tudo mais, além de querer ler outras obras da autora!!




Born of Illusion 
Teri Brown
ISBN-13: 9788565859295
ISBN-10: 8565859290
Ano: 2014
Páginas: 288
Editora: Valentina

*ESSE POST FAZ PARTE DO TOP COMENTARISTA DE JUNHO/2018*

Acompanhe o blog nas redes sociais!

16 comentários:

  1. Oi, Amanda.

    Enredos repletos de magia, de uma certa forma, me fascina. Então, acredito que eu iria apreciar a leitura desse livro.

    Ainda mais por a autora nos contemplar com a ambientação esplendorosa e a exploração desse mundo do ilusionismo e a relação conturbada da Anna com a mãe.

    ResponderExcluir
  2. Não acabei pegando esse livro exatamente por não saber se teria continuação ou não. Vi que foi lançado, me lembro de ver falando que era livro com continuação mas aí não teve mais nada por aqui e desanimei. Pegar e ficar sem saber como termina é chato. A trama dele parece bem legal e acho que iria adorar por essas coisas de ilusionismo, a época, ver como a autora fez pra descrever essas coisas porque nem consigo começar a ter ideia! Mas ela parece ter feito isso bem. É um livro bom pra quem quer algo rápido, uma coisa interessante mesmo, mas fiquei de pé atrás por isso de não saber se tem mais ou não, se faz mesmo diferença ficar sem ler o outro e essas coisas. Queria ver falando de outros que acabe tendo, mas nunca vi =/

    ResponderExcluir
  3. Confesso que essa história não me chama atenção.
    Gostei da capa, da edição e ótimo saber que a autora tem uma boa escrita, se ela publicar outras histórias já vou ter uma noção.

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. A trama parece interessante e ver o universo criado pela autora envolvendo ilusionismo e sobrenatural, assim é uma pena que a editora só tenha lançado o primeiro livro em 2014 e que o mesmo tenha final aberto. Ainda assim curti a resenha e espero que vc consiga ler a continuação na edição original e que nos conte o que achou ;)

    ResponderExcluir
  5. Se eu fosse pela sua resenha definitivamente iria querer o livro, mas acho que ele não é para mim! Sei lá, a história em si não conseguiu me conquistar, me despertar aquele desejo louco para ler e não parar... Acho que por eu não gostar muito dos ilusionismos, vigaristas e tudo mais... Porém, a resenha está incrível.

    ResponderExcluir
  6. Se eu fosse pela sua resenha definitivamente iria querer o livro, mas acho que ele não é para mim! Sei lá, a história em si não conseguiu me conquistar, me despertar aquele desejo louco para ler e não parar... Acho que por eu não gostar muito dos ilusionismos, vigaristas e tudo mais... Porém, a resenha está incrível.

    ResponderExcluir
  7. A premissa é muito boa, nunca li nada nesse estilo e fiquei bem tentada a ler. Gostei da autora ter inserido esses dois pontos de vista na história em alguns momentos porque ajuda o leitor a entender melhor o enredo. Fiquei curiosa pra mergulhar nessas aventuras da Anna com o ilusionismo.

    ResponderExcluir
  8. Oi Amanda,
    Não conhecia esse livro, mas acabei ficando com vontade de ler essa história. Enredos com um toque de magia sempre chamam a minha atenção, e pelo que me lembro, já li um livro com essa temática de ilusionismo, mas não foi uma história com foco nisso.
    Que peculiar esse dom da Anna, fiquei curiosa para acompanhar as sessões dela. Já a mãe da protagonista parece ser bem intragável, difícil de se simpatizar. Com uma trama bem elaborada, personagens intrigantes e uma Nova York da década de 20, a resenha despertou o meu interesse em ler o livro. Gostei de saber que as cenas de ilusionismo foram descritas na metida certa, sem deixar a leitura cansativa.
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Olá Amanda! Não vejo muitos livros com essa temática no mundo literário. Achei bem bacana o enredo, a mãe de Anna deve ser meio maluquinha e ter de esconder os dons dela não deve ser nada fácil para a garota. É um apena que a outra obra da autora não tenha sido publicada, fiquei muito curiosa para ler o livro. Beijos

    ResponderExcluir
  10. Amanda!
    Sabe que esse livro me deu uma grande saudade de meu pai? Ele foi mágico de circo e quando vejo algum livro com enredo de magia e circo, logo me interesso porque além da recordação me faz entender um pouco mais sobre o mundo que era de meu pai. E ele viveu mais ou menos nessa época aí, por isso, gostaria de ver a ambientação...
    Desejo que a semana seja abençoado!
    “Nunca sei se quero descansar porque estou realmente cansada, ou se quero descansar para desistir. “ (Clarice Lispector)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA JUNHO - 5 GANHADORES
    BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
  11. Olá.
    Ainda não li nada com a temática de ilusionismo e confesso que não estava muito animada para ler esse livro. A premissa não me instigou muito. Mas, depois de ler a sua resenha, fiquei um pouco curiosa sobre a história. Vou ler se tiver a oportunidade.
    Não sabia que esse livro tinha continuação. Realmente não vi nenhuma informações sobre o lançamentos de outros livros dessa autora.
    Acho a capa lindíssima.
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Olá, a obra realmente chama atenção por abordar o ilusionismo de uma maneira que não fique confusa para o leitor, uma vez que a escrita de Brown é capaz de ser crível sem se tornar arrastada em razão do excesso de detalhes que a trama exige. Além disso, é necessário parabenizar a editora pelo trabalho maravilhoso de diagramação, que está impecável. Beijos.

    ResponderExcluir
  13. Não conhecia o livro, mas acabei me interessando pela história, que pena que não tem a continuação em português, pois dessa forma o meu interesse acabou diminuindo... Espero que a editora lance essa continuação algum dia.

    ResponderExcluir
  14. a história com certeza conseguiu chamar minha atenção todo esse lance de magia conseguiu me conquistar acho que esse livro vai ser perfeito para mim

    ResponderExcluir
  15. A proposta do livro é muito boa, gostei da parte do ilusionismo, os mistérios dos truques de mágica, deve ser difícil mesmo retratar isso num livro de forma que atraia a atenção do leitor. Lerei quando tiver oportunidade!!

    ResponderExcluir
  16. Oi, Amanda!!
    Acho que lembro um pouco desse livro e achei um livro bastante interessante por que a protagonista é uma ilusionista e ainda é assistente da mãe que médium. Gostei muito da da premissa sem dúvida é um livro bem legal.
    Bjos

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.