[LIVRO] A Garota Que Bebeu a Lua, Kelly Barnhill

Olá pessoas, tudo bem? 

Esse livro foi lançado no começo desse ano e minha expectativa estava um pouco lá no alto. Tem tudo que um livro de fantasia pode querer, tem bruxas, tem magica, tem um povoado distante, tem um ar de mistério no ar. Essa combinação tinha tudo para eu amar, mas de alguma forma não rolou.


Todos os anos, uma criança é deixa pelo protetorado, no meio da floresta. Essa criança é uma oferenda para uma bruxa que vive por lá. A ideia é sacrificar a criança em busca da proteção do vilarejo e impedir que a bruxa aterrorize a pequena cidade. 

A tal terrível bruxa da floresta, Xan, é o completo oposto do que o povoado acredita. Ela é uma bruxa sim, mas é bondosa e tem o coração maior do que ela. Ela vive em paz no seu canto com o Monstro do Pântano que é muito mais esperto do que parece, e o Dragão Perfeitamente Minúsculo (sim, é o nome dele).
"Você faz muitas perguntas.
Ninguém sabe o que a Bruxa faz com as crianças que ela pega. Ninguém pergunta esse tipo de coisa. Nós não podemos perguntar - Você não percebe? Dói demais."
A questão é que, todo ano, quando essas crianças são abandonadas na floresta, Xan vai até lá para resgatá-las e levá-las em segurança para uma das Cidades Livres do outro lado da floresta. Porém, certo dia, durante o transporte de uma das crianças, a comida acaba e Xan se vê sem opção a não ser alimentar a criança com a luz do luar, fazendo com que a criança seja portadora de uma magia extraordinária. 

Xan acaba se apegando à criança e decide criá-la como sua filha com o nome de Luna. Conforme os anos vão passando, os poderes de Luna vão aflorando e em seu aniversário de 13 anos é o ápice. Isso quer dizer que não apenas Luna pode estar em perigo, mas Xan também pode acabar se prejudicando.


O livro é narrado em terceira pessoa e apresenta vários pontos de vista, Luna, Glerk, Antain, o Grão Ancião, Xan.. É como se tivesse um narrador principal contando o livro que funciona em forma de fábula, com um quê de realismo mágico. 

A escrita da autora é meio mágica, poética e simples, trazendo um ar diferente para a história e uma leveza que, às vezes, se faz necessário em livros de fantasia. Definivamente é um livro infanto juvenil que pode ser lido por qualquer um. É uma história original que prende e atenção, tanto de adultos quanto de crianças.
"Nem todo conhecimento vem da mente. Pode vir de seu corpo, de seu coração, de sua intuição. Às vezes, lembranças têm pensamento próprio."
Gostei das personagens apresentadas, dos plots e quem não queria um dragão e monstro do pântano como amigo? Porém, apesar de ter gostado de muitos pontos na narrativa, eu me vi meio entediada com a história. Mais ou menos na metade eu não via a hora de acabar, tinha tudo para ser um livro excelente e favorito, mas a autora começa a ser repetitiva e eu tiraria ~fácil~ umas 100 páginas. 

A narrativa é envolvente, a magia e mistérios relacionados são interessantes, mesmo com o devenvolvimento lento, o leitor vai ficar interessado em saber o que acontece. Em algum momento saberemos o que se passa com as pessoas no vilarejo, o que está por trás dessas crianças abandonadas e conhemos melhor os personangens. No outro, conheceremos mais da Xan, sua história e sua bondade. 

Enfim, acho que já falei demais. Com certeza é um livro que vai te deixar com o coração quentinho, querendo abraçar o mundo e ver a mensagem que está por trás do livro. Amar a si mesmo, amar o próximo, empatia, cuidar das pessoas que você gosta e deixar ser cuidado, perdoar, aceitar quem você é e, principalmente, não ter medo de ser diferente. ♥

The Girl Who Drank the Moon
Kelly Barnhill
ISBN-13: 9788501110077
ISBN-10: 8501110078
Ano: 2018
Páginas: 308
Amazon | Saraiva | Book Depository

*ESSE POST FAZ PARTE DO TOP COMENTARISTA DE AGOSTO/2018*
Acompanhe o blog nas redes sociais!
Instagram ♦ Twitter ♦ Facebook ♦ Skoob ♦ Goodreads ♦ Pinterest

32 comentários:

  1. Não me recordo de ter visto este livro,mas como adoro cenários fantásticos, já me vi na floresta construindo amizades assim, tão improváveis.rs
    Mas com certeza, já no início da resenha a gente imagina(ao menos eu imaginei) que a tal bruxa não era do mal e que certamente, não fazia mal às criancinhas.
    Ruim só este arrastar na história,mas mesmo assim, se tiver oportunidade, quero muito ler sim!
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mesmo sendo m pouco arrastado eu ainda gostei. Vontade de colocar a bruxa num potinho e guardar comigo

      Excluir
  2. Oi, Rosana,

    Que enredo encantador - juntamente com a mensagem passada, que é magistral e que dá mais destaque para o livro.

    Tenho certeza que vou gostar do livro. Dos personagens mais ainda!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que consiga ler então, é um livro encantador.

      Excluir
  3. A premissa e a capa são fofas e é uma pena a autora não ter conseguido dar agilidade a trama, acho até que ter um bom ritmo é fundamental pra prender o público alvo, juvenil né?!, porém, desses que podem e devem ser lidos por todos. Ainda assim tem mensagens bem bacana pelo que você concluiu e vale a pena ler :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vale muito a pena ler, mesmo sendo meio devagar o livro é fofo demais.

      Excluir
  4. Adoro umas histórias assim, que brincam com magia, fantasia, um tom mais juvenil e até poético. Chamou atenção quando lançou aqui mas não deu pra ler ainda. Legal isso da narrativa dele, gosto quando fazem assim, ainda mais com uma história desse jeito que pode ter tanto pra oferecer e explorar. Parece uma leitura leve e bem gostosa. Acho que iria gostar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você vai amar esse livro então, leia quando puder ♥

      Excluir
  5. Fiquei e não fiquei com vontade de ler; a mensagem que o livro transmite me deixou interessada, mas parece pecar na narrativa.
    Quem sabe mais para frente eu tenha a chance de ler; dica anotada!

    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Olá, a autora criou uma nova mitologia envolvendo bruxas que dota a obra de uma peculiaridade muito bem vinda, ainda que em alguns momentos a leitura se torne um pouco arrastada. Por meio desses elementos fantásticos o leitor vai aos poucos entendendo as mensagens que a autora quis passar, de modo que uma criança com certeza deve ter uma experiência ainda melhor com a história. Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, a ideia da bruxa não ser a malvada faz toda a diferença e deixa a história ainda melhor, é o que chama a atenção do público infantil.

      Excluir
  7. Olá Rosana! Gostei da temática do livro, principalmente porque traz todos esses seres mágicos e desfaz o paradigma de que todas as bruxas são más. É uma pena essa repetitividade da autora, mas vários pontos de vista dão ao leitor uma visão ampla dos acontecimentos da história. Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mesmo sendo repetitiva eu até gostei. Apesar e esperar mais do livro, eu ainda gostei.

      Excluir
  8. Rosana!
    Gosto muito de livros infanto juvenis e com todo esse toque mágico e personagens fantásticos, parece um livro interessante, ainda mais com uma boa escrita.
    Fiquei intrigada apenas com o fato da repetição, achei que fosse um livro mais dinâmico e com aventuras.
    “.A vida merece algo além do aumento da sua velocidade.” (Mahatma Gandhi)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA AGOSTO - 5 GANHADORES - BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mesmo com a repetição é um livro lindo e vale a pena ser lido.

      Excluir
  9. Oi, Rosana!
    Desde que vi o lançamento desse fiquei bem curiosa para ler esse livro. Achei bem interessante a história, pois gosto bastante de livros de fantasia que envolvem seres místicos como as bruxas e que tenham muita magia. Mas fiquei um pouco triste por que o livro acaba ficando um pouco repetitivo e isso acabam tornando a história um pouco cansativa.
    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas mesmo assim ainda acho que vale a pena a leitura ♥

      Excluir
  10. Oi Rosana!
    Esse livro já está nos meus desejados, qro mto conhecer a história que parece ser linda, ainda mais sendo um dos gêneros que amo!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  11. Estou de olho nessa fantasia desde o lançamento, mas, infelizmente, ainda não tive a oportunidade de ler. Ao meu ver é realmente um livro adorável e bem construído. Ainda quero muito lê-lo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que consiga ler e que goste da leitura =D

      Excluir
  12. Olá.
    Eu ganhei esse livro num sorteio, mas ainda não li. Estava bastante animada para fazer a leitura, pois vi tanta gente falando bem dele.
    Depois da sua resenha, vou abaixar as minhas expectativas.
    É tão ruim quando parece que os autores estão enrolando, sem acrescentar nada relevante à história.
    Mesmo assim, parece que a história é fofa e diferente. Espero gostar.
    Biejos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda com a enrolação é um livro fofo que trás uma mensagem bonita, vale a pena a leitura

      Excluir
  13. Olá!
    Já tinha ouvido fala desse livro mas não parei para ler a resenha. É uma historia bem interessante e bem envolvente, onde há uma pequena fantasia.. Gostei bastante e espero poder ler!

    Meu blog:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir
  14. Que livro fofo, me amarrei. História simples, bem escrita e parece ser agradável. A capa é linda, estilo infanto-juvenil mesmo, com certeza vou ler, mesmo tendo passado ha tempos dessa fase, o estilo adolescente me agrada muito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu leio livro infantil mesmo, to nem aí. Eu gosto e sempre tem algum ensinamento para o leitor ^^

      Excluir
  15. Que lindeza!
    Muito fofo e com uma mensagem maravilinda né?
    E essa bruxinha parece ser tão mãezona e do bem, adorei!
    Já quero.
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uma mãezona mesmo, é um livro fofo demais!

      Excluir
  16. Eu achei linda o tom dessa capa, confesso que não me recordo de ter feito leituras com bruxas. Eu até gosto de livros de fantasia, mas tem que ser uma trama que me prenda, se tem muitos elementos acabo perdendo o interesse e o foco na leitura. Mas ainda sim adorei conhecer e conferir tua resenha sobre ele.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.