28 de abr de 2016

Jumper, 2008

Olá pessoal, tudo bem?

Imagine qualquer lugar do mundo onde você gostaria de estar. Agora imagine se você  pudesse se teletransportar para este local. Você poderia tomar café em Paris, almoçar em Nova York e porque não curtir um lindo pôr do sol em cima das pirâmides do Egito, que tal? Este é o enredo do filme de hoje, uma aventura empolgante com belas paisagens. Confiram!

David Rice (Hayden Christensen) é um adolescente que além de estar nesta fase nada fácil da vida, ainda tem problemas familiares. Sua mãe Mary Rice (Diane Lane) abandonou ele com seu pai alcoólatra William Rice (Michael Rooker) quando David ainda era uma criança. Além disto ele sofre na escola, os valentões do colégio só sabem caçoar de David, além dele ser apaixonado por Millie Harris (Rachel Bilson) e acreditar não ter nenhuma chance com ela.

Em mais um dia difícil na escola, David acaba caindo no gelo, e de repente ele se vê na biblioteca; neste dia David descobre que pode se teletransportar para qualquer lugar. E descobrindo este poder que possui, ele sai de casa para nunca mais voltar. 


Ao longo de oito anos David vive uma vida invejada por todos, ele conhece várias partes do mundo, em um único dia ele visita vários países. Ele usa seu poder também para invadir cofres de bancos, e assim consegue manter um padrão de vida bem confortável. 


Porém a vida fácil de David acaba quando aparece em seu caminho Roland Cox (Samuel L. Jackson), um Palatino. David descobre que é descendente de uma raça muito antiga chamada Jumper, e que existe uma sociedade fanática religiosa que extermina os Jumper's, cujos membros são chamados de Palatinos, sendo Roland um dos chefes da sociedade. 


David começa então a fugir dos Palatinos, em sua fuga ele conhece Griffin (Jamie Bell) um Jumper como ele, mas com muita mais experiência de vida. David também reencontra seu pai e Millie, e mesmo em meio ao caos, consegue viver um romance com ela. 

 

Em meio a fuga David descobrirá alguns segredos sobre sua mãe e lutará para se manter vivo.

Jumper é um filme que apresenta um bom enredo, mesmo não caindo nas graças da crítica. Os efeitos especiais são bons. O elenco é bem conhecido e o entrosamento entre eles é ótimo. Para mim as melhores cenas são com Jamie Bell, devido ao humor sarcástico presente nelas. 

Outro item que vale destacar são as belas cenas presentes no filme, das pirâmides do Egito, do Coliseu, enfim, as cenas são de encher os olhos.

O filme deixa uma série de pontas soltas, talvez na ideia de uma possível continuação, mas pelo que pesquisei, infelizmente isto não irá acontecer, o ano passado até houve boatos de uma possível continuação, mas nada oficial.

Jumper "apesar dos pesares" é um bom filme, após assisti-lo você com certeza vai desejar ter o poder de se teletransportar.
"Deixe-me dizer-lhe o meu dia até agora:
Café em Paris, surfe nas Maldivas, um cochilo no Kilimanjaro, eu tenho o número de uma menina polonesa no Rio, e depois 'saltei' de volta para o última parte da final da NBA. E tudo isso antes do almoço. Poderia continuar, mas o que eu quero dizer é... Eu estou no topo do mundo."
Título Original: Jumper
Ano de Produção: 2008
Dirigido Por: Doug Liman
Gênero: Aventura, Ficção científica, Suspense
Nota: 4/5


 Não deixe de acompanhar o blog nas redes sociais
Instagram ♦ Twitter ♦ Facebook ♦ Skoob ♦ Google+ ♦ Goodreads

Nenhum comentário:

Deixe um comentário ;)

© Tudo que Motiva - 2014. Todos os direitos reservados. Tecnologia do Blogger.