4 de jul de 2016

[TOP] Dez músicas inspiradas em livros

Olá pessoal, tudo bem?

Estava ouvindo algumas músicas pensando no que iria trazer hoje para vocês, lembrei que já tinha trazido uma tag que misturava música com livro e aí veio a ideia de mostrar algumas músicas que foram inspiradas em livros; eu sabia algumas e descobri outras na minha pesquisa. Gostei muito da lista, tem para todos os gosto, eu particularmente gosto de todas sou suspeita né. Alguns livros eu ainda não li, mas você pode conferir a resenha clicando no título. Confiram, espero que gostem!

1- 
E a lista começa com uma das melhores bandas que o nosso país já teve, Legião Urbana, com a música "Monte Castelo" que é uma união do 11° soneto da obra Os Lusíadas de Camões com o 13° capítulo de Coríntios I, um livro da Bíblia, escrito por São Paulo. Amo essa música, além dela ser linda ela uni dois textos maravilhosos, que também amo.
Ainda que eu falasse / A língua dos homens / E falasse a língua dos anjos / Sem amor eu nada seria
 O amor é o fogo que arde sem se ver / É ferida que dói e não se sente / É um contentamento descontente / É dor que desatina sem doer

2- 

 
Essa também é uma das músicas preferidas e de uma banda que também deixou muita saudade. "Dom Quixote" como já dá para perceber pelo nome é baseada no livro Dom Quixote de La Mancha de Miguel de Cervantes. Uma bela canção para um belo livro, não tinha como dar errado.
Tudo bem, até pode ser / Que os dragões sejam moinhos de vento

3- 
 
"Admirável Chip Novo" cantada pela querida Pitty fala de um sistema opressor, o que com certeza nos leva a lembrar da obra Admirável Mundo Novo de Aldous Huxley. Ainda não tive a oportunidade de ler o livro, mas já me disseram e li comentários que é uma obra excepcional. Gosto muito dessa música também. 
Pense, fale, compre, beba / Leia, vote, não se esqueça / Use, seja, ouça, diga / Tenha, more, gaste, viva 

4- 
 
Ah essa música! Eu só descobri que "Lanterna dos Afogados" dos Paralamas do Sucesso era baseada na obra Jubiabá  de Jorge Amado quando fui pesquisar para esta postagem. Eu não li este livro, mas pelo que pesquisei a música faz referência as mulheres dos pescadores que esperavam o retorno de seus maridos no bar "Cais do Porto" com lanternas nas mãos para que eles conseguissem se localizar melhor, para facilitar o retorno deles. O título da música é o nome de um capítulo do livro. Me apaixonei ainda mais pela música.
Há uma luz no túnel / Dos desesperados / Há um cais de porto / Pra quem precisa chegar 
 5- 
 
Estou ficando tão nostálgica. Não sei se "Amor I Love You" da Marisa Monte é exatamente baseada na obra O Primo Basílio de Eça de Queiroz, o que sei é que a música fala de amor e o livro também fala de amor. Na música temos um trecho do livro narrado na voz de Arnaldo Antunes, que você pode conferir abaixo. Ainda não li o livro, mas conheço muito de seu enredo devido as aulas de literatura Saudades Prof. Carol. É muito romance gente!
"...tinha suspirado, tinha beijado o papel devotamente! Era a primeira vez que lhe escreviam aquelas sentimentalidades, e o seu orgulho dilatava-se ao calor amoroso que saía delas, como um corpo ressequido que se estira num banho tépido; sentia um acréscimo de estima por si mesma, e parecia-lhe que entrava enfim numa existência superiormente interessante, onde cada hora tinha o seu encanto diferente, cada passo condizia a um êxtase, e a alma se cobria de um luxo radioso de sensações! 

 6- 
 
Ainda não li nenhum livro da série O Mochileiro das Galáxias de Douglas Adams, mas sei que o número 42 é tido como resposta para tudo. Ao ser questionado se a música era uma espécie de homenagem a série Chris Martin não disse nem que sim nem que não. Fica aí a dúvida. Gosto muito dessa música e da banda; pretendo ler a série ainda e pelos comentários sobre ela não há possibilidades de eu não gostar.
And since I fell for that spell / I am living there as well
E desde quando eu caí naquele feitiço / Estou vivendo lá também

7- 
 
A obra A Revolução dos Bichos de George Orwell foi a inspiração necessária que a banda Pink Floyd precisou para criar um álbum inteiro denominado "Animals" lançado em 1977. Assim como no livro as músicas comparam os humanos aos animais não que nós não sejamos animais. Eu li este livro ano passado e gostei muito, foi uma leitura totalmente diferente do que imaginava, se ainda não leu recomendo que leia.
Big man, pig man, ha ha, charade you are 
Grande homem, homem porco, ha ha, que falso você é 
Trecho da Música "Pigs (Three Different Ones)"

8- 
 
O álbum "Diamond Dogs" de David Bowie foi totalmente inspirado no livro 1984 também de George Orwell. Essa distopia é excelente, ainda não li o livro, mas conheço seu enredo e em breve vou conferir a obra na íntegra. David na verdade queria os direitos cinematográficos do livro, mas não conseguiu e assim nasceu o álbum. Pelo menos ganhamos esta excelente seleção de músicas.
Someone to claim us, someone to follow / Someone to shame us, some brave Apollo / Someone to fool us, someone like you / We want you Big Brother, Big Brother
Alguém para reivindicarmos, alguém para seguir / Alguém para nos envergonhar, algum bravo Apollo / Alguém para nos enganar, alguém como você / Nós te queremos Grande Irmão, Grande Irmão
Trecho da Música "Big Brother"
9- 
 
A música "2+2=5" da banda Radiohead também foi inspirada na obra 1984 de George Orwell. No livro os cidadãos consideram real tudo o que o governante dizia, o "Big Brother" faz com que todos rejeitem o que acreditam, por isso mesmo que 2+2 nunca resulte em 5, se o "Big Brother" falar que sim, será sim. É o que acontece com uma sociedade acomodada que só diz "Amém" a tudo. A música é ótima.
Are you such a dreamer / To put the world to rights? / I stay home forever / Where two and two always makes up five
Você é tão sonhador / A ponto de colocar o mundo no lugar? / Eu ficarei em casa pra sempre / Onde dois e dois sempre somam cinco

10-
 
"Alice" de Avril Lavigne foi feita especialmente para o filme lançado em 2010. Como o filme da versão adulta de Alice, a canção conta sobre todas as dificuldades enfrentadas pela protagonista no País das Maravilhas.  A canção e o filme são inspirados na obra Alice no País das Maravilhas de Lewis Carroll, uma obra que encantou e continua encantado muitos leitores pelo mundo, eu realizei a leitura do livro ainda na infância, então é claro que é uma história que marcou minha infância.
I found myself (myself) in Wonderland / Get back on my feet again / Is this real? (Is this real?)
Me encontrei (me encontrei) no País das Maravilhas / De volta sob meus pés de novo / Isto é real? (isto é real?)

E então, gostaram? Conheciam/Leram algum livro? Sabiam que eles serviram de inspiração para essas canções? Conhecem alguma música inspirada em livro que não apareceu aqui? Comentem aqui vou adorar saber a opinião de vocês!

Beijinhos!

Não deixe de acompanhar o blog nas redes sociais

2 comentários:

  1. Que demais, conheço várias músicas dessas e não fazia ideia que eram inspiradas em livros *o* Vou ouvir com outros olhos agora ^^
    Beijo!

    Sorriso Espontâneo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico muito feliz que tenha gostado, algumas eu também só descobri que eram inspiradas em livros quando fui pesquisar e foi uma grata surpresa. E vamos curtir, porque a união de livro com música não pode ser mais perfeita...rs...
      Abraço!

      Excluir

© Tudo que Motiva - 2014. Todos os direitos reservados. Tecnologia do Blogger.