[DESCOBRINDO SÉRIES] The Marvelous Mrs. Maisel (2017 - atual)

Olá pessoas, tudo bem?

Dias desses estava passeando pela internet e vi a recomendação dessa série. Eu não fazia ideia do que se tratava, descobri que a série é dos mesmos criadores da minha favorita Gilmore Girls, não pensei duas vezes antes de me jogar e maratonar essa série. 


A série vai se basear nos anos 1950 e vai acompanhar a esposa, mãe de dois filhos e dona de casa Miriam "Migde" Maisel. Ela é tudo o que os padrões daquela época julgavam certos, mãe, esposa dedicada aos maridos e filhos e que ainda cuidava da casa. Bem humorada, cheia de energia, com um humor certeiro e judia. Pelo o que parece ela tem a vida dos sonhos ou pelo menos a vida que sempre quis ter: foi para a faculdade, casou, teve filhos e agora vive uma vida feliz em sua casa no Upper West Side de Manhattan. 

O sonho de seu marido sempre foi ser comediante e Midge, como boa esposa que é, sempre deu suporte ao mario e se dedicou para que ele consiga atingir os sonhos. No entanto, ele é um péssimo humorista e cheia de piadas sem graças e após um dos shows dar errado, ele decide abandonar sua família. Pois ele não quer que ninguém compartilhe do fracasso dele. 

De repente Midge vê sua vida virar de ponta cabeça. Agora sozinha no mundo, com duas crianças para cuidar, sem um teto sob sua cabeça, ela vai ter que reavaliar sua vida e as opções que ela tem. É nesse momento, triste, bêbada e sem perspectiva que ela vai parar no palco de um clube de comédia e vai perceber que ela tem talento para seguir essa carreira e decide suar esse novo talento descoberto à seu favor. 


É uma série de comédia, mas ao mesmo tempo é uma série sobre empoderamento feminino, sobre seguir seus sonhos, sobre não ter medo de arriscar, sobre perdoar e ser perdoado. É sobre enfrentar o desconhecido e encarar novas possibilidades e oportunidades. Não é apenas uma série de comédia qualquer, é uma série de comédia de QUALIDADE. Além de que, a atriz que faz a Mrs Maisel é super carismática e que parece gostar do que está fazendo. 

A série prende sua atenção logo nos primeiros minutos e quando você percebe o episódio acaba e você quer mais e você assiste todo o resto sem nem respirar. A batalha de Midge não vai ser fácil, mas qual batalha que é?


Não é apenas as piadas que são boas e atriz que interpreta. Pensa no trabalho que os criadores tiveram quando escreveram os diálogos, você não pode simplesmente pegar a piada e jogar, ela tem que ser inserida de forma orgânica e isso acontece muito aqui. O timing das piadas são perfeitos e em muitas vezes eu gargalhei. De verdade, eu ri alto e me diverti demais com esse seriado, não esperava ser tão bom assim. 

Além de tudo isso, tem os figurinos da época. Gente, New York dos anos 50! Bônus para os personagens secundários: Susie que no começo para ser uma personagem simples, mas é cheia de personalidade e vai ajudar Midge nessa jornada. Joel Maisel é o marido de Midge que, ao meu ver, não teve muito destaque positivo no primeiro episódio, mas ao longo da série vamos ver sua redenção. Os pais de Midge, Abe e Rose, NOSSA, que atuações. Os dois são espetaculares e é possível perceber muitas semelhanças e quebras de regras na relação dessa família. 

O seriado tem uma temporada, mas já foi renovada para um segunda que sairá em breve. Tem oito episódios e cerca de 50 minutos cada episódio - o que dá para maratonar em um dia, eu sei porque eu fiz isso hahaha  A série está disponível no PrimeVídeo da Amazon, que é tipo um Netflix só que da Amazon. O primeiro episódio é gratuito para assistir, então não percam tempo e se joga nessa série! Aproveita que está em promoção por R$7,90.

The Marvelous Mrs. Maisel
Ano: 2017
Temporadas: 2
Episódios: 8
Duração: 50 min
Criadores: Amy Sherman-Palladino


*ESSE POST FAZ PARTE DO TOP COMENTARISTA DE SETEMBRO/2018*

Acompanhe o blog nas redes sociais!
Instagram ♦ Twitter ♦ Facebook ♦ Skoob ♦ Goodreads ♦ Pinterest

13 comentários:

  1. Oi, Rosana,

    Acredito que é uma série que eu iria gostar, apesar da longa duração. É contagiante o que é trama passa. Além de manter um bom equilíbrio.

    ResponderExcluir
  2. Essa série é mesmo ótima e a protagonista super carismática, a atriz encanta em sua atuação. Essa é uma série engraçada mas que faz o leitor pensar através de cenas como a que ela acorda antes dele pra se arrumar para quando ele abrir os olhos a ver bonita... Ela se dedicou muito ao relacionamento deles e se anulou, tanto que se sente perdida quando a relação acaba. Vê-la crescendo e se encontrando foi bem bacana. Já o marido, esse não me ganhou e o motivo principal nem posso citar pra não dar spoiler haha, mas há um longo caminho pra redenção dele comigo rs. Os pais dela me fizeram rir em suas cenas. Quero sim ver a segunda temporada.
    Indicação perfeita, a série vale a pena e o post tá ótimo.

    ResponderExcluir
  3. Não é exatamente o tipo de série que vejo do nada e dá vontade de assistir, mas ver falando dela até chamou atenção. Nesses tempos e o que a mulher acaba fazendo pra se virar é um tanto diferente. Achei interessante ter comédia mas também ter muita coisa com o que trabalhar. Isso é legal. Que não seja uma história rasa. Achei interessante.

    ResponderExcluir
  4. Oi, Rosana!!
    Que legal a indicação dessa série adorei a história principalmente por se passar New York dos anos 50, gostei muito da indicação só não sei se vou ter tempo agora para assistir.
    Bjos

    ResponderExcluir
  5. Sou apaixonada por estes enredos de época. Comecei esta semana(mas ando devagar por conta do raio do tempo pouco), As Telefonistas! Estou amando, apesar de ainda só ter visto dois episódios :/
    Por isso, me encantei com tudo que li e vi acima. Pois além de trazer bom humor, traz também a mulher sendo mulher, em uma época tão complicada!!!
    Vou caçar!rs
    Beijo e obrigada!!!

    ResponderExcluir
  6. Acho que li sobre essa série no La oliphant, fiquei bem interessada na época; mas é tanta coisa que acabei esquecendo.
    Que bom relembrar essa série, novamente estou interessada, mas não vou conseguir assistir no momento.
    Vou anotar a dica. Gosto dessas séries de época, e com humor é melhor ainda.

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Nossa adorei, não conhecia e gostei muito da história. Personagem forte que não se abalou ao ser abandonada pelo marido e se redescobriu no meio do caminho. Com certeza vai pra minha lista, inclusive por amar comédias.

    ResponderExcluir
  8. Olá, já tinha ouvida falar dessa série, mas nunca parei para conhecer do que realmente se trata, e confesso que fiquei bastante curioso para conferi-la. O show parece abordar temas importantes sem abrir mão da comédia inerente à trama, o que faz com que o espectador se divirta mas também absorva algum conhecimento valioso. Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Oi!
    Tinha me deparado com essa série em um aplicativo que uso pra marcar o que já assisti (tv time, recomendo!) mas não me interessei muito. Eu nao me interesso muito por series ou filmes que se passem no seculo 20 ou seculos anteriores a não ser que tenha algum elemento sobrenatural, ou sei la algum personagem tenha poderes ou algo assim. Apesar de amar quando fazem algo com empoderamento feminino, essa série não seria algo que eu tenho vontade de assistir ainda mais agora que voce disse que tem pelo menos 50min é muito grande pra mim se tratando de algo que eu nao costumo consumir. Mas obrigada pela dica!

    ResponderExcluir
  10. Olá.
    Já vi recomendarem essa série.
    Midge teve que enfrentar muitos obstáculos, sendo mãe solteira, ainda mais pela época.
    Já adorei as vestimentas da época! Que capricho. Adoro o estilo vintage.
    Com certeza irei ver essa série.
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Olá Rosana!
    Adorei conhecer a série, nunca tinha ouvido flar dela acredita?
    Eu curti mto, vou procurar saber mais sobre ela e tentar acompanhar.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  12. Essa indicação caiu como uma luva....Estava olhando a Amazon Prive e vi este seriado e fiquei curiosa sobre ele, então amei demais saber um pouco mais sobre ele. Creio que deve ser um seriado leve e aos mesmo tempo engraçado e cheio de drama e problemas familiares, uma excelente pedida para ver depois de um dia de trabalho. Com certeza vou adicionar a minha lista =)

    ResponderExcluir
  13. Rosana!
    Acompanhei a primeira temporada no canal fechado Sony e é fabulosa mesmo a série, vale a pena assistir.
    O empoderamento feminino em uma época em que a mulher ainda não era tão valorizada.
    Recomendo também.
    “O maior problema e o único que nos deve preocupar é vivermos felizes.” (Voltaire)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA SETEMBRO - 5 GANHADORES - BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.