[LIVRO] Mas Tem Que Ser Mesmo Para Sempre?, Sophie Kinsella

Olá pessoas, tudo bem? 

Fazia muito tempo que não lia nada da Sophie Kinsella e desde o lançamento desse aqui eu fiquei com ela coceirinha para ler. Eu gosto demais da autora e dos livros dela. Apesar de quase sempre ser meio clichê, mas é aquele clichê que a gente AMA ler! 


O livro vai apresentar o casal Sylvie e Dan. Eles estão juntos há dez anos e tem todas as características do casal perfeito, que possuem uma vida plena e feliz, com uma casa para chamar de sua, empregos que gostam, duas filhas lindinhas. É aquele tipo de casal que completa a frase um do outro, sabe? 

Como é sempre bom cuidar da saúde, eles vão ao médico fazer exames de rotina e ficam sabendo que a saúde deles é ótima, é tão boa que eles viverão uma vida longa e feliz e que, possivelmente, ficarão casados por mais 68 anos! Pronto, isso é suficiente para o pânico instaurar nesse relacionamento. Afinal, o "até que a morte nos separe" não parece ser tão longe assim. 

Os dois decidem que a partir daquele momento eles irão fazer pequenas surpresas um ao outro, com a intenção de manter a chama do relacionamento acesa. É claro que essas surpresas nem sempre serão boas e o casal passa a repensar se vale mesmo a pena toda essa onde de surpreender um ao outro. Preparem-se para vários contratempos, descobertas bombásticas e segredos revelados. 


Devo dizer que é um livro típico de Sophie Kinsella, um casal perfeito, mas com algo diferente no ar. Sylvie é linda, loira, alta, tem a vida que sempre pediu, mas também é desajeitada, paranóica e com anseios e ~poucos~ medos. É aquela personangem que você quer ser amiga e que a identificação acontece muito rápido. Você acredita no relacionamento e acredita que aquele casal é real, tanto que algumas vezes eu pude, facilmente, me ver na posição deles. 

O livro é engraçado na medida certa, mas também quando uma pitada de drama quando necessário. A autora conseguiu desenvolver os personagens muito bem e até rolou um pouco de feminismo na narração. Não é um livro raso, ele contém uma mensagem simples, mas muito poderosa. 


Com certeza é uma leitura leve, descontraída e que me fez rir demais -só para variar. Eu não esperava que o livro tomasse o rumo que tomou e eu gostei do final. Foi um final inesperado e uma feliz surpresa. Uma coisinha aqui e outra ali que eu não gostei, mas acho que pode ser relevado. Não foi o melhor livro da autora, pelo menos para mim, mas foi a leitura que eu precisava. 

"Mas Tem Que Ser Mesmo Para Sempre?" é uma ótima leitura para aqueles que querem uma leitura rápida, fácil. Alguém que esteja procurando um pouco de romance, mas com um toque de realidade que a gente gosta. É um livro fofo, com emoção e engraçado. 

Surprise Me
Sophie Kinsella
ISBN-13: 9788501113535
ISBN-10: 8501113530
Ano: 2018 
Páginas: 378
Editora: Record
Amazon | Book Depository
** compre pelos links do blog e ajude com uma pequena comissão **

*ESSE POST FAZ PARTE DO TOP COMENTARISTA DE MAIO/2018*

Acompanhe o blog nas redes sociais!
Instagram ♦ Twitter ♦ Facebook ♦ Skoob ♦ Goodreads

15 comentários:

  1. Ah, o que seria de nós sem os clichês?rs
    Eu não abro mão nunca de ler um bom clichê, ainda mais quando ele chega de uma forma tão doce e prazerosa.
    A capa deste livro é maravilhosa e o enredo parece que também é.
    Um casal feliz...utopia?rs Não sei...mas sei que tantos de nós deveriam seguir isso de tentar melhorar o que já parecia bom.
    Mas estamos vivendo épocas onde o amor tem sido deixado de lado e considerado, piegas.
    Vai para a lista de desejados com certeza, afinal sonhar ainda é gostoso demais!
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A capa brasileira é ainda mais linda. Vale muito a pena a leitura desse livro ♥

      Excluir
  2. Eu gosto muito dos livros da Sophie (a série da Becky em especial) e ela sempre cria protagonistas cativantes, atrapalhadas, com defeitos e como vc bem disse, essas que queremos ser amigas e acho isso bem bacana, e ainda vem com histórias divertidas <3 Eu vi a capa nacional dessa história que tá sendo lançado por aqui e achei linda, fiquei bem interessada e gostei da resenha, mesmo que vc tenha algumas ressalvas o veredito é que a história parece ser leve e divertida, marca da autora e que eu amo ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É o típico livro da Sophie que a gente ama. Também sou vidrada nos livros da série da Becky.

      Excluir
  3. Oi, Rosana.

    Embora a ideia, na prática, pareça ser boa, há também os riscos de, talvez, acabar se tornando algo rotineiro, não equilibrado...

    ResponderExcluir
  4. Tenho uma certa birra com livro assim, mais engraçadinho e nesse estilo pelo medo que me dá de ler e passar raiva com jeito de personagem. Nossa, mas parei de ler muitas coisas do estilo por isso. Agora só se ver muito bem e se gostar de como os personagens parecem ser. Meu medo é pegar e achar forçado, sabe? Esse me pareceu legal pela ideia desse casal, por como as coisas podem fugir do controle com essa ideia das surpresas e até a pitada de drama chamou atenção. Acho que iria gostar deles, parecem estar mais reais e interessantes, tem uma vida que acho que iria curtir conhecer. Não ser só um livro bobinho pra rir é muito bom também. Se passar mesmo umas coisas legais deve valer a pena.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sei bem como é, mas não acho que esse livro tenha personagens forçados, muito pelo contrário. Tudo parece acontecer naturalmente e fácil de se identificar.

      Excluir
  5. Ainda não tive a chance de ler algo da Sophie.
    A história não me chama tanta atenção, mas às vezes é essencial ler algo mais leve e descontraído, e parece que é esse tipo de leitura.
    É interessante os protagonistas já estarem casados e a história desenrolar daí em diante.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O livro é perfeito para momentos descontraídos, não espera encontrar um livro tão fora da caixinha. Esperava algo previsível e não foi o que aconteceu ~ainda bem~

      Excluir
  6. Oi Rosana.
    Essa leitura parece bem leve, divertida e descontraída. òtimo para passar o tempo ou ler quando se está de ressaca literária.
    Estou procurando outros livros da Sophie para ler, pois amo a sua escrita.
    Já quero ser amiga de Sylvie. Adoro quando os autores criam personagens mais realistas, com quem podemos nos identificar.
    Fiquei super curiosa para saber desse final inesperado!
    Já vai para a lista de desejados.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Livros da Sophie Kinsella são sempre bons para sair da ressaca, adoro!

      Excluir
  7. Rosana!
    Já li alguns livros da autora, mas esse ainda não, mas pelo visto, a 'receita'da escrita da autora, continua a mesmo, um chick list cheio de trechos hilários, misturados com um pequeno drama, que nos faz enlouquecer para poder ler.
    “Eu gosto de escutar. Eu aprendi muito escutando cuidadosamente. A maioria das pessoas nunca escuta. “(Ernest Hemingway)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA MAIO BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa receita dela dá muito certo, mas esse até que tem algo diferente do convencinal.

      Excluir
  8. Não gosto muito de livros que sejam "puro romance". Por isso, esse me chamou a atenção, já que tem uma mistura de realidade. Pela descrição que você fez sobre a Sylvie, acho que muitos leitores vão se identificar e simpatizar com ela! Gosto muito de livros descontraídos, mas que possuem alguma mensagem para levarmos para nossa vida! Com certeza lerei!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dependendo da situação eu até gosto de uns "puro romance", mas na maior parte das vezes eu também prefiro que o livro tenha algo a mais. A Sylvie é uma personagem fácil de se intentificar mesmo ♥

      Excluir

Tecnologia do Blogger.